Revisão para vida toda, como faço para ter direito?

Atualizado: 4 de mar.

Se você chegou até aqui é porque ouviu alguém falando que o STF julgou a ação que discutia a revisão para vida toda.


Mas, você sabe o que isso quer dizer? Não? Então deixa a gente explicar.

Você sabia que para as aposentadorias concedidas após o ano de 1999 o INSS simplesmente descarta os salários de contribuição anteriores a julho de 1994, início do plano real? Sim, ele descarta.


Portanto, milhares de aposentados que contribuíram com altos salários antes de 1994, simplesmente tiveram descartados os seus recolhimentos, causando prejuízo na aposentadoria, que em muitos casos chega a 60% do valor mensal recebido.


Assim, na ação da revisão para vida toda, o aposentado busca que o seu cálculo seja refeito, computando os valores pagos antes de julho de 1994 e com isso aumentando sua renda mensal.


A ação busca a aplicação da regra permanente (aquela não modificada pelas reformas previdenciárias que o Brasil passa de tempos em tempos), que inclui todos os salários de contribuição, ao invés da transitória, que prejudicou o aposentado.


Está em dúvida se tem direito? Assista ao vídeo abaixo e tire suas dúvidas.


Eduardo Fernandes Serafim |

Advogado e Sócio da Fernandes Serafim Advocacia. Rua Fúlvio Aducci, 1360, Sala 1003, Florianópolis (SC).

contato@fserafim.adv.br | +55(48)3036-1212

7 visualizações0 comentário